Ministério Público de Pernambuco
Ministério Público de Pernambuco
 

Destaques do MPPE

30/08/2018 - As cidades de Quipapá, Venturosa, Bodocó, Itaíba, Verdejante, Parnamirim, Mirandiba, Orocó, Floresta, Trindade, Ipubi e Moreilândia passam a contar com novos promotores de Justiça a partir do próximo 21 de setembro, quando será realizada a posse dos novos membros, no auditório do Centro Cultural Rossini Alves Couto.

Os novos promotores estiveram presentes nesta quinta-feira, 30 de agosto, na sede da procuradoria-geral de Justiça (PGJ) do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) para definir em qual comarca irão atuar. Junto aos outros 41 membros que assumiram os cargos no ano passado e neste primeiro semestre, são, ao todo, 54 novos promotores convocados até agora pelo procurador-geral de Justiça, Francisco Dirceu Barros.

"Mesmo com a restrição orçamentária, realizamos contingenciamento e cortamos na carne para que fosse possível, hoje, convocar esses 12 novos promotores que irão apoiar o povo pernambucano no combate à criminalidade, à improbidade e à impunidade. Diversos promotores de outro Estado optaram por realizar um novo concurso vir para  Ministério Público de Pernambuco, demonstrando o grau de credibilidade que temos em todo o País. Somos o número um em democracia, transparência e, em breve, seremos o primeiro na utilização de inteligência artificial", disse o procurador-geral de Justiça do MPPE, Francisco Dirceu Barros.

Os novos promotores de Justiça irão atuar após a realização da cerimônia de posse, tendo que proceder, ainda com a realização do exame médico admissional e a realização de curso preparatório pela Escola Superior do Ministério Público (ESMP), com previsão de início em 24 de setembro.

Recepção de novos promotores de Justiça

“Servir à sociedade é a principal função do promotor de Justiça. Precisamos servir com responsabilidade e compromisso, pois nosso papel é de extrema importância. Temos a possibilidade de transformar a vida de muitas pessoas. Mesmo nos processos mais simples, estamos modificando realidades. Isso é que o deve alimentar a atividade de todos os promotores de Justiça”, disse o secretário-geral do Ministério Público de Pernambuco, Alexandre Bezerra. Ele ainda desejou sucesso aos futuros promotores e salientou que eles representam uma oxigenação para toda a Instituição.

"Recentemente tivemos um grande avanço no MPPE com o democracia plena e os novos promotores chegam em um momento de grande afirmação desta instituição, pois estamos construindo um novo Ministério Público no Brasil. Um Ministério Público mais moderno, mais democrático e mais equânime", disse o chefe de Gabinete do MPPE, Paulo Augusto Oliveira.

Expectativas - "Quero prestar um serviço de excelência à população de Mirandiba, onde irei atuar como promotor. Quero receber a população e atender às demandas sociais apresentando o Ministério Público e suas atribuições. Ao longo da minha carreira, espero ainda, aprender com a realidade do trabalho de promotor e trabalhar de forma a ser um vetor de transformação, contribuindo para uma sociedade mais justa", disse o futuro promotor de Justiça, Raul Lins, que irá atuar na cidade de Mirandiba, à 477 km do Recife.

"Começar a trabalhar como promotora na cidade de Orocó é a realização de um sonho. Quero atuar para promover a justiça, o combater à corrupção e o combate à criminalidade. Sou baiana e estou vindo para Pernambuco para promover a cidadania e ajudar a população mais carente", disse a futura promotora de Justiça, Clarissa Dantas Bastos. A cidade está a 569 km do Recife e possui mais de 14 mil habitantes.

 

Destaques Notícias


Veja todas as Notícias
Diário Oficial
Diário Oficial
Diário Oficial
Consulta de Licitações
publicidade consulta licitação
Consulta de Licitações
Consulta Processual
publicidade consulta processual
Consulta Processual
Publicidade Ouvidoria2
Publicidade Ouvidoria2
Publicidade Transparência SIC
Publicidade Transparência SIC
Sistema SIM
Sistema SIM
Ministério Público de Pernambuco
Ministério Público de Pernambuco