Ministério Público de Pernambuco
Ministério Público de Pernambuco
 

Destaques do MPPE

29/09/2020 - O procurador-geral de Justiça do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Francisco Dirceu Barros, foi indicado como finalista do Prêmio Inovação Judiciário Exponencial, na categoria Liderança Exponencial. Concorrem com ele o procurador-geral de Justiça do Rio de Janeiro, Eduardo Gussem, e o procurador-geral de Justiça de Santa Catarina, Fernando Silva Comin. A entrega do prêmio, quando será revelado o vencedor, se dará na abertura da terceira edição da Expojud, em 13 de outubro de 2020.

A premiação é uma iniciativa do Judiciário Exponencial, com apoio da Fundação Instituto de Administração da Universidade de São Paulo (FIA-USP). O objetivo é reconhecer e incentivar o desenvolvimento de iniciativas inovadoras, a partir do uso de tecnologias em processos de gestão e novas metodologias no âmbito do Sistema de Justiça.

Além disso, a premiação almeja promover e reconhecer os líderes que se destacam por seu perfil empreendedor em suas respectivas instituições, a fim de enfatizar e repercutir iniciativas relacionadas à melhoria dos serviços prestados em benefício da sociedade.

A categoria Liderança Exponencial indica os líderes que tenham atitude empreendedora dentro das instituições. O vencedor será aquele que melhor idealizou, incentivou, patrocinou projeto de inovação diferenciado e fez a diferença para a Justiça. Também será levado em consideração a contribuição excepcional ao sistema da justiça, possivelmente, em situação de crise ou que tenha demonstrado uma trajetória diferenciada mais longa e consistente de liderança de gestão de projeto ou programa inovador ou difusão de inovação.

“Fico muito honrado e feliz com a indicação. Uma das principais metas da nossa gestão era colocar o Ministério Público de Pernambuco entre as grandes instituições do MP brasileiro. Concorrer com o MPRJ e o MPSC é um grande feito”, declarou o procurador-geral de Justiça do MPPE, Francisco Dirceu Barros.

Outras três categorias também compõe a premiação: Institucional: projetos que geraram inovação na gestão, no uso de novas abordagens metodológicas ou inserção de tecnologias que incidiram sobre processos e produtos internos à instituição; Prestação de Serviços: iniciativas de inovação tecnológica ou de processos voltados para o provimento de informações e serviços para a sociedade ou externos à instituição; Enfrentamento da Crise: cases das iniciativas de implementação da tecnologia e inovação para o enfrentamento da crise causada pelo Covid-19, que causou a mudança no sistema de prestação de serviços, desenvolvimento de atividades presenciais e adaptação ao teletrabalho.

O Prêmio Inovação Judiciário Exponencial utiliza como conceito de inovação mudanças em práticas anteriores, por meio da incorporação de novos elementos da gestão pública ou de uma combinação original de novas metodologias ou tecnologias que geraram melhorias nos processos existentes e que produzam resultados positivos, para os serviços prestados em benefício da sociedade.

Os indicados foram escolhidos por incentivarem a implementação de iniciativas inovadoras de gestão em organizações do Ecossistema de Justiça e que contribuírem para a melhoria dos serviços prestados em benefício da sociedade.

As soluções inovadoras devem servir de inspiração ou de referência para outras iniciativas e colaborem para o avanço da capacidade no segmento de justiça. É também mensurada a valorização dos servidores públicos que atuaram de forma criativa e proativa em suas atividades, em benefício do interesse público, ou seja, que fizeram do cidadão o centro das atenções.

As avaliações da comissão julgadora são feitas com base nos resultados qualitativos e quantitativos descritos no relato da iniciativa, de acordo com a contribuição para aumento da eficiência no uso de recursos públicos; melhoria no atendimento ao usuário; significância e alcance social da iniciativa; melhora na imagem no ecossistema de justiça e acesso do público aos seus serviços; impacto no trabalho e no uso de recursos do órgão e relacionamento com usuários dos serviços; nível de adoção, replicação e escalabilidade da inovação; contribuição à transparência, responsabilização e efetividade do órgão.

Ainda são analisadas: liderança em gestão, organização e desenvolvimento da equipe; resiliência em superar as adversidades em ambiente resistentes à inovação; disposição de assumir riscos; demonstração da visão para antecipar oportunidades e riscos futuros e gerir os processos de inovação correspondentes; contribuição em programas, políticas de gestão e fortalecimento da cultura e da colaboração da equipe e do órgão para a inovação.

As iniciativas classificadas em 1º lugar poderão receber visitas técnicas internacionais oferecidas pelas instituições apoiadoras do Prêmio Inovação Judiciário Exponencial.

Imagem acessível: retângulo com fotografia de martelo da Justiça sobre um livro e dentro de uma bolha tem sobrepostos os dizeres PGJ é finalista em Prêmio Inovação Judiciário Exponencial. Acima, tarja vermelha com Liderança Exponencial

Destaques Notícias


Veja todas as Notícias
Consulta de Licitações
publicidade consulta licitação
Consulta de Licitações
Diário Oficial
Diário Oficial
Diário Oficial
Consulta Processual
publicidade consulta processual
Consulta Processual
Publicidade Transparência SIC
Publicidade Transparência SIC
Sistema SIM
Sistema SIM
Ministério Público de Pernambuco
Ministério Público de Pernambuco